CONFUNDIR-SE É UM ERRO. CONFUNDIR É PRECEITO DE TALENTO INCOMPREENDIDO.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

A tristeza do Número

Um, dois, três, quatrilhões...
presos aos ossos do matemático
castigando a fé desse reumático
nos braços, dedos, cabeça como grilhões.

Mortes, orgias, - catastroficissima solidão -
fabricando a fantasmologia da contagem
catando, contando... inúmera contagem.
Só existo se em registro um numero me dão.

Se um dia me tirassem esse número.
Perceberia que unicamente estamos
vivendo a alegoria da vantagem.

Mas vejo somas, subtrações no útero
e sinto que só existiríamos
se entrassemos nessa triste contagem.

Darlan Delarge

3 Comentarios:

Elmo Freitas disse...

A vida é uma eterna matemática!

B.Ribeiro disse...

Um time muito bom esse que escreve no blog. Parabéns!

PatriciaCruz disse...

Muito bom, adorei
Parabéns pelo blog (:

Postar um comentário

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." (Michel de Montaigne)
.
Defenda sua opnião